30Oi, galerinha do bem! Espero que vocês estejam maravilhoses!!! No blog de hoje nós vamos concluir a estrutura do texto dissertativo-argumentativo com a CONCLUSÃO. Preste bem atenção no que vou dizer a seguir porque essa é um momento muito especial da sua redação. Levante a mão quem quer mil na redação! 😆 Vamos lá, bb!

 

maos-alto

 

Concluir com a conclusão? Esse é o primeiro detalhe que vamos destacar. O último parágrafo do texto deve ser reservado para finalizar a redação e, por isso, não precisamos dizer que estamos concluindo, não desta forma: CONCLUINDO. No lugar desse termo, devemos usar um conectivo que tenha essa função conclusiva. PORTANTO, DESSE MODO, DESTARTE, DESSARTE, EM SUMA, DESSA MANEIRA e tantos outros operadores argumentativos têm essa finalidade.

O próximo passo é organizar a retomada da tese apresentada na introdução e defendida nos desenvolvimentos. Iniciar a conclusão dessa forma organiza muito o parágrafo, mas não é um elemento obrigatório para pontuação na proposta de intervenção. Se vocês decidirem fazer isso, é importante a objetividade para sintetizar a ideia central defendida e para iniciar, logo em seguida, a apresentação das soluções, essas sim são fundamentais para conquistar a nota máxima na competência V.

Vocês ouviram soluções? Pois é! Geralmente vocês trarão mais de um problema e terão que solucionar os dois. Assim, é fundamental selecionar bem as causas que serão levantadas, desenvolvidas e provadas. Se for possível apresentar solução para os problemas escolhidos, ótimo. Se vocês perceberem que não é tão simples assim resolver os problemas, tentem mudar essas causas. Planejar o texto por completo faz toda a diferença. Está anotando tudinho, chuchu?

 

escrevendo

 

Depois de bem escolhidos os problemas, a articulação vem naturalmente junto à solução de cada um deles. Nessa competência, não basta dizer o que deve ser feito para resolver a problemática, é preciso apresentar pelo menos uma solução completa, com os 5 elementos exigidos. Observem:

Solução 1 – Articulada ao Problema 1

Elementos:

  • O que fazer? (Ação)
  • Quem deve fazer? (Agente)
  • Como? Por meio de que mecanismos? (Meio/Modo)
  • Para quê? (Finalidade)
  • Detalhamento de uma das anteriores. (Informação a mais que ajude a colocar a solução em prática).

 

Solução 2 – Articulada ao Problema 2

Elementos:

  • O que fazer? (Ação)
  • Quem deve fazer? (Agente)
  • Como? Por meio de que mecanismos? (Meio/Modo)
  • Para quê? (Finalidade)
  • Detalhamento de uma das anteriores. (Informação a mais que ajude a colocar a solução em prática).

 

Como já disse aqui, basta que uma das soluções venha completa para que seja fechada a nota nesse quesito. Além disso, é importante lembrar que apresentar duas causas e só solucionar uma delas trará uma falha no projeto de texto, o que será penalizado na competência III. Dessa maneira, é necessário seguir o que foi planejado e solucionar os dois problemas, mesmo que apenas um deles venha com os cinco elementos.

 Após resolver os problemas, é chegada a hora de finalizar o parágrafo e o texto de forma articulada. Para isso, uma possibilidade bem interessante, e que chama a atenção dos corretores, é a de retomar o repertório usado na introdução do texto para costurar bem as ideias e demonstrar que a redação foi realmente bem planejada, do início ao fim.

Agora que vocês já sabem como organizar a conclusão, vamos analisar tudo isso na prática. Preparados?

 

ready-pronto

 

Lembram da Introdução roteiro por Alusão Histórica, apresentada no Blog 1, da redação nota 1000 de Amanda? Então, vamos observar os dois problemas trazidos nela e analisar se foram solucionados no texto. Vamos lá?

 

contrucao

 

Problema 1 – concentração das salas de teledramaturgia em regiões mais desenvolvidas economicamente

            Problema 2 – exorbitantes preços dos ingressos e alimentos, vendidos com exclusividade pela empresa proprietária

 

concentracao 

 

A teoria na prática:

 

  • Elemento coesivo – Portanto
  • Retomada da tese – Não foi feita (Opcional, lembram?)
  • Solução 1:
  • O que fazer? (Ação)Promover a interiorização das salas de teledramaturgia
  • Quem deve fazer? (Agente)Iniciativa privada
  • Como? Por meio de que mecanismos? (Meio/Modo)Por meio da construção de novos empreendimentos e da redução dos custos
  • Para quê? (Finalidade)Incentivando, então, a cultura mais democrática
  • Detalhamento de uma das anteriores. (Informação a mais que ajude a colocar a solução em prática)em parceria com os estados e municípios/ em áreas distantes dos pólos econômicos/ para o consumidor de baixa renda

 

  • Solução 2:

 

  • O que fazer? (Ação)Estabelecer um canal de comunicação mais efetivo com o telespectador
  • Quem deve fazer? (Agente)Ancine, Agência Nacional de Cinema,
  • Como? Por meio de que mecanismos? (Meio/Modo)Por intermédio de aplicativos e das redes sociais interativas
  • Para quê? (Finalidade)Para que denúncias e reclamações sobre preços abusivos possam ser realizadas
  • Detalhamento de uma das anteriores. (Informação a mais que ajude a colocar a solução em prática)(Não apresentou. Basta uma solução completa, ok?)
  • Finalização do parágrafo com possível retomada do repertório da introduçãoComo efeito social, a democratização do cinema no Brasil será uma realidade, destruindo, assim barreiras e “feudos” sociais.

 

Agora que finalizamos a análise, espero que vocês tenham ainda mais facilidade na competência V e que conquistem a nota máxima com uma proposta de solução de tirar o fôlego do corretor, que terá a satisfação de ler o texto de vocês! Arrasem! #vem1000

 

quebrar-analise

 

Ah, aproveite para dar um pulo na nossa plataforma e testar por 7 dias grátis! Além disso, com o cupom VIMDOBLOG, você garante 20% de desconto em todos os planos. Não vai deixar passar essa oportunidade em? Clique no botão abaixo!

cupom-desconto-20-porcento

 

Comentários