assinatura

 

Oi, pessoal!!!! Como vocês estão? Espero que bem! No último blog nós começamos a ampliar nosso conhecimento de mundo com repertórios diversificados, estudando por eixos temáticos. Hoje falaremos sobre o eixo CIDADANIA E DIREITOS HUMANOS, que engloba vários assuntos e temas. O assunto é mais específico, mas ainda é mais amplo que a temática. Lembram?

 

direitos-humanos-cidadania

 

Entenderam? Desse modo, ao trabalharmos com eixos temáticos, a gente se prepara para um conjunto de assuntos e temas do mesmo grupo e percebe, com isso, o que há de comum e como eles dialogam entre si para que ampliemos nosso repertório sociocultural de maneira mais estratégica, já que muito do que estudaremos no assunto desigualdade social, por exemplo, será aproveitado em assuntos dentro desse universo, como moradia, educação, ambos pertencentes ao eixo em análise.

 

direitos

cidadania

 

Agora vamos falar sobre alguns assuntos do eixo cidadania e Direitos Humanos e destacar o que é preciso para que vocês estejam prontos para arrasar na redação caso eles sejam os norteadores da sua temática.

Saber a definição do assunto tratado, selecionar as causas para problematização do tema, pensar nas consequências, que ajudarão a fundamentar a argumentação, e ampliar o repertório sociocultural são os principais quesitos para fazer uma boa preparação para cada assunto estudado. Desse modo, vocês estarão prontos para desenvolver e defender bem o texto e a tese em qualquer tema!

 

Assunto 1 – Pandemia e aumento das desigualdades

 

favela

 

► Segundo o Brasil Escola, Desigualdade social é um mal que afeta todo o mundo, em especial os países que ainda encontram-se em vias de desenvolvimento. A desigualdade pode ser medida por faixas de renda, em que são consideradas as médias dos mais ricos em comparação às dos mais pobres. Também podem ser utilizados, como dados para o cálculo de desigualdade, fatores como o IDH, a escolarização, o acesso à cultura e o acesso a serviços básicos — como saúde, segurança, saneamento etc.

 

favela

 

►Segundo a Organização Mundial de Saúde, pandemia é a disseminação mundial de uma nova doença e o termo passa a ser usado quando uma epidemiasurto que afeta uma região, se espalha por diferentes continentes com transmissão sustentada de pessoa para pessoa.

 

Com a pandemia, as desigualdades ficaram ainda mais escancaradas no Brasil. Vamos descobrir por que isso aconteceu?

 

Causas?

▪ Negligência governamental – má gestão

▪ Falha na disseminação de informações sobre o assunto

▪ Falta de investimento para realizar medidas profiláticas

▪ Banalização do problema por toda a sociedade

▪ Falta de cumprimento da lei

 

Consequências?

▪ Aumento da pobreza

▪ Aumento da fome

▪ Mortes

▪ Invisibilidade

 

AUTORIA + REPERTÓRIO

► Artigo 6º – Direitos sociais

►Achille Mbembe – Necropolítica

►Mapa da Fome

►Gilberto Dimenstein – Cidadão de Papel

 

Assunto 2 – Literacia Familiar

 

matriarcado

 

►Segundo o MEC, a literacia familiar é aplicada no dia a dia, na convivência entre pais e filhos. As práticas estimulam desde cedo a leitura de forma lúdica e participativa, o que faz as crianças chegarem mais preparadas aos anos iniciais do ensino fundamental, além de fortalecer o vínculo familiar.

Já que essa prática é tão importante, por que não é comum no Brasil?

 

Causas?

▪ Falta reconhecer que pais são os primeiros professores de seus filhos – muitos veem a escola como único pilar responsável – Parceria: pais + professores

▪ Faltam políticas públicas que eduquem os pais para que eles entendam a importância da parceria e se sintam capazes de promover a literacia.

▪ Falta letramento, orientação.

▪ Falta o entendimento da lei e o seu cumprimento em garantir o desenvolvimento do educando.

 

Consequências?

▪ Dificuldade de aprendizagem

▪ Pais indiferentes e incapazes de ajudar por falta de informação

▪ Evasão escolar

▪ Mais analfabetos

▪ Dificuldades financeiras e de inserção no mercado de trabalho

 

 AUTORIA + REPERTÓRIO

► Lei de Diretrizes e Bases da Educação – LEI Nº 9.394 – Art. 2º A educação, dever da família e do Estado

► Conta pra Mim – Programa do Governo Federal

► Pesquisa do IBGE aponta que Brasil ainda tem 11 Milhões de Analfabetos

► Jean Jacques Rousseau –  “A educação do homem começa no momento do seu nascimento; antes de falar, antes de entender, já se instrui”

► Exemplo – Malala Yousafzai

 

Assunto 3 – Moradia

 

crianca-sem-moradia

 

►A moradia, vinculada ou não à propriedade, é direito social que deve ir além do simples refúgio. Deve constituir-se de local digno de habitação, sendo dever do Estado assegurar sua ocorrência, dentro do que a reserva do possível permitir.

https://jus.com.br/artigos/66840/uma-construcao-social-e-juridica-da-definicao-de-moradia.

 

Causas? Por que esse direito não é garantido?

▪ Falta de políticas habitacionais eficientes/ descaso do poder público frente às questões habitacionais

▪ Falta de planejamento/ crescimento desenfreado e ilegal do espaço urbano

▪ Falta de fiscalização

▪ Falta de cumprimento da Lei/ perda da garantia dos direitos do cidadão.

 

Consequências?

▪ Marginalização dos indivíduos que não têm seus direitos garantidos (Invisibilidade social)

▪ Preconceito

▪ Violência

▪ Pobreza

▪ Exclusão

▪ Surgimento de favelas

 

 AUTORIA + REPERTÓRIO

► Art. 6º da Constituição Federal de 88 – São direitos sociais a educação, a saúde, a alimentação, o trabalho, a moradia…

► Foto de Tuca Vieira que mostra Paraisópolis e prédio de luxo do Morumbi

► Exemplo de domínio público – “Morre morador de rua que teve corpo queimado em São Paulo” – 06/01/2020

► A casa – Vinícius de Moraes

►O Cortiço – Aluísio Azevedo

 

Assunto 4 – Adoção

 

filiacao-adocao

 

► A adoção é o ato pelo qual se cria um vínculo de filiação, até então inexistente, em que não há laço natural (genético). A adoção é uma alternativa de proteção às crianças e aos adolescentes nos casos em que os pais são destituídos do poder familiar. Porém, ela é diferente da tutela, pois gera um vínculo de filiação entre o adotante e o adotado (o que não acontece na tutela). Ela é uma medida excepcional de inserção da criança ou do adolescente em uma família substituta, quando esgotados todos os meios de mantê-los no âmbito familiar natural.

https://direitofamiliar.jusbrasil.com.br/artigos/410528102/o-que-e-adocao

 

Causas? Por que o processo de adoção no Brasil enfrenta dificuldades?

▪ Falta de preparo e de informação para lidar com o assunto

▪ Burocracia

▪ Preconceito

▪ Falta de debates sobre o assunto e de exemplos disseminados

▪ Falta de cumprimento da lei

 

Consequências?

▪ Muitas crianças vivem e crescem em abrigos

▪ Abandono

▪ Prejuízo para a formação do menor

▪ Exclusão

▪ Sensação de não pertencimento

 

 AUTORIA + REPERTÓRIO

► Artigo 227 da Constituição – Satisfazer o direito da criança e do adolescente à convivência familiar sadia.

► De acordo com a Lei Nacional da Adoção, aprovada em 2009, o tempo máximo de permanência da criança ou do adolescente em um abrigo é de dois anos.

► Exemplos de domínio público: Giovanna Ewbank, Bruno Gagliasso e seus três filhos.

►Filmes: Um sonho possível (2009) / De repente uma família (2018) / Blue Miracle (2021)

 

Por hoje é só, pessoal! Espero que vocês tenham entendido tudo direitinho, tenham ampliado bastante o conhecimento de vocês e tenham aprendido como traçar estratégias eficientes para estudar redação e para fazer com que nossos direitos e deveres saiam do papel, algo fundamental para todos nós! Beijo grande e até o próximo eixo-blog!

Aproveite para dar um pulo na nossa plataforma e testar por 7 dias grátis! Além disso, com o cupom VIMDOBLOG, você garante 20% de desconto em todos os planos. Não vai deixar passar essa oportunidade em? Clique no botão abaixo!

cupom-desconto-20-porcento

Comentários