Se você é vestibulando e está se preparando para os vestibulares ou o Enem, uma temática atual que precisa de sua atenção é o terrorismo. A recorrência desse assunto em vestibulares deve-se ao fato de no mundo contemporâneo uma das maiores manifestações de demonstração de poder, seja para gerar pânico na população ou pressionar governos diante de exigências separatistas, são os ataques terroristas. Esses ataques servem como vitrine para grupos se promoverem e recrutarem combatentes dispostos a desafiarem seus inimigos. Os atentados precisam chocar a sociedade, movimentar a mídia e as redes sociais.

O que vem à mente quando falamos em Terrorismo? O que desperta mais medo e pavor quando ouvimos notícias sobre os atentados? Bem, você pode até ter uma opinião diferente dos demais, mas a maioria responderia, as mortes por EXPLOSÕES. Toda explosão vem acompanhada de uma grande liberação de energia, que ocasionalmente atingem pessoas e estruturas próximas ao evento. Por se tratar de uma grande liberação de energia, temos variadas formas de dissipação, trazendo efeitos fisiológicos (onde as pessoas e animais sofrem danos nos olhos, pulmões, coração, na pele e outros órgãos), térmicos (no qual segue um aumento significativo da temperatura decorrente da energia liberada) e mecânicos (causado pelo deslocamento de ar ou qualquer tipo de matéria presente nas proximidades, além da destruição das estruturas locais)

Pensa que só explosões com queimaduras e ondas de choque estão entre as formas preferidas dos terroristas? O uso de projéteis também tem sido muito comum em atos terroristas, lançados a partir de armas de precisão ou de detonações de explosivos. Os mais comuns são os balísticos, geralmente utilizado em atentados usando armas de fogo de diferentes calibres, onde os fuzis tem uma preferência majoritária. Uma das principais preocupações sobre o uso das armas de fogo e dos projéteis se referem à distância e ao tipo de estrago que se espera fazer. Para atingir alvos muito distantes, levam-se em consideração os efeitos gravitacionais e a própria resistência do ar.

Infelizmente, o terrorismo tem afetado aspectos básicos do convívio em comunidade, fragilizando a identidade coletiva através da difusão do medo e do discurso de ódio, além de enfraquecer o nosso respeito pelos direitos e liberdade.

#TemaDoMês

Comentários