Ahhh! Chegou a hora e você está super em dúvida sobre prestar a Fuvest? Então, você chegou ao lugar certo! Hahahaha!!

 

Neste blog ,quero esclarecer as principais dúvidas sobre a Fundação Universitária para o Vestibular (FUVEST).

 

Primeiro de tudo, você já deve saber que a FUVEST é o meio mais tradicional para que você consiga ingressar nos cursos da USP.

 

Apesar que, a partir de 2015, também se tornou possível ingressar na Universidade de São Paulo, através do SISU.

 

Mas, se você quer ter uma garantia maior e encarar a Fuvest, então vem com a gente!

cupom desconto vimdoblog

O que é a Fuvest?

O que é Fuvest

 

A Fundação Universitária para o Vestibular (FUVEST) é considerada o segundo maior vestibular do país.

 

Desde o ano de 1976, diversos alunos encaram suas provas para conseguir entrar na Universidade de São Paulo (USP). Por isso, é considerado o vestibular da USP.

 

Entre os anos de 1988 e 2016, ela também foi responsável pelo ingresso de alunos na Fundação de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo.

 

Enquanto, nos anos de 1996 até 2010, era o meio para o ingresso na Academia de Polícia Militar do Barro Branco (APMBB).

 

Como é a prova da Fuvest?

Como é prova Fuvest

 

Então, meus amigos, prepare-se para encarar uma prova dividida em duas fases. 

 

A primeira fase da Fuvest contém questões de múltipla escolha, enquanto a segunda fase da Fuvest são de questões dissertativas.

 

Entenda melhor cada uma delas:

 

1ª Fase da Fuvest

 

  • Cinco horas de duração;
  • 90 questões de múltipla escolha;
  • Questões sobre: – Matemática – Português – Biologia – Física – História – Inglês – Interdisciplinares.

 

Apenas os candidatos que estiverem acima da nota de corte, poderão ir à próxima fase. 

 

Além disso, o resultado da primeira fase da Fuvest  será uma das três notas consideradas na formulação da classificação final.

 

2ª Fase da Fuvest

 

Após ser aprovado na primeira fase da Fuvest, você vai encarar os dois dias que dividem a segunda fase, com questões dissertativas.

 

A divisão é feita da seguinte forma:

 

 

  • – Dia 1: 10 questões de português e uma redação dissertativa-argumentativa;
  • – Dia 2: 12 questões entre duas a quatro disciplinas que são escolhidas de acordo com a carreira que você deseja seguir.

 

 

Com o resultado dessas duas provas, você completa as três notas consideradas na formulação da classificação final.

 

Porém, vale ressaltar que estudantes de cursos como música, artes visuais ou artes cênicas, fazem uma prova a mais sobre habilidade específica. 

 

A prova de habilidade específica vale 100 ponto, cada candidato precisa alcançar 50 pontos para ser aprovado neste teste.

 

Quem pode e como se inscrever na Fuvest?

Quem pode como se inscrever Fuvest

 

 

Normalmente, as inscrições para o vestibular da Fuvest ocorrem no mês de Agosto e são abertas apenas uma vez ao ano.

 

Você precisa fazer sua inscrição pela internet, ademais ela é aberta para todos que desejam fazer.

 

Porém, para você ingressar na USP, precisa ter concluído o ensino médio até a data da sua matrícula no curso.

 

Os demais que não se enquadram neste quesito, na hora da inscrição, precisam escolher a opção de treineiro.

 

Como também, na hora de se inscrever, você também precisa escolher a sua modalidade de concorrência, sendo de ampla ou de cota. Nesta parte, você preencherá um questionário socioeconômico.

 

Como funciona a cota na Fuvest?

Como funciona cota Fuvest

 

Então, primeiro você precisa entender que 60% das vagas são destinadas para a ampla concorrência, enquanto os 40% restantes para as cotas.

 

Agora, sobre as vagas destinadas aos cotistas, 37,5% são para os candidatos que vieram de escola pública autodeclarados pretos, pardos e indígenas.

 

Na hora de optar a modalidade, eles poderão se declarar nas seguintes:

 

AC (Ampla Concorrência): vagas para todos os candidatos, sem exigência de nenhum pré-requisito;

 

EP (Escola Pública): vagas para os candidatos que, independentemente da renda, tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas;

 

PPI (Pretos, Pardos e Indígenas): vagas aos candidatos e autodeclarados pretos, pardos e indígenas que, independentemente da renda, tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas.

 

A meta é que para o ano que vem 50% dos alunos de cada curso da USP sejam cotistas.

 

Como conseguir isenção da taxa na Fuvest?

Como conseguir isenção da taxa Fuvest

 

Considerada uma das taxas mais caras de inscrição em vestibulares, muitos alunos correm atrás da isenção.

 

Entretanto, nem todos conseguem. Mas existe, sim, uma forma de conseguir isenção na taxa da Fuvest. 

 

  • A taxa de isenção completa é para quem possui renda familiar de até 1,5 salário mínimo de São Paulo (R$ 1.184).

 

Enquanto a redução da taxa pode ser conquistada em duas categorias:

 

  • 1ª) vestibulandos com renda individual de até dois salários mínimos de São Paulo e desempregados;
  • 2ª) Pessoa com rendimentos mensais entre 1,5 a 3 salários mínimos de São Paulo, por pessoa da família.

 

Prova da Fuvest 2021 e COVID-19.

Prova da Fuvest 2021 e COVID-19.

 

As inscrições para o vestibular da Fuvest 2021 encerraram-se em Outubro. 

 

Para aqueles que conseguiram conquistar a sua oportunidade, farão a 1ª fase no 10 de Janeiro. Enquanto a 2ª fase será nos dias 21 e 22 de fevereiro.

 

Levando em consideração a realidade imposta pela COVID-19, a Fuvest desenvolveu um protocolo com medidas de prevenção.

 

O protocolo inclui disponibilização de álcool-gel 70%; distanciamento social de 1,5 metros; ocupação máxima de 50% por local de provas, entre outros.

 

Ao todo, a FUVEST estará seguindo 16 diretrizes de segurança, de acordo como pedem as determinações sanitárias vigentes.

 

Quais são os livros obrigatórios da Fuvest?

Quais são livros obrigatórios Fuvest

 

E para você que está a todo o vapor nos estudos, todavia deu uma esquecida naqueles livros essenciais para a prova, então segue a lista:

  •  A Relíquia – Eça de Queirós;
  • Poemas escolhidos – Gregório de Matos;
  • Mayombe ‐ Pepetela;
  • Angústia – Graciliano Ramos;
  • Claro Enigma – Carlos Drummond de Andrade;
  • Quincas Borba – Machado de Assis;
  • Campo Geral – Guimarães Rosa;
  • Romanceiro da Independência – Cecília Meireles;
  •  Nove Noites – Bernardo Carvalho.

Baixe Guia do Vestibulando

É isso meu queride, Se a ideia é colocar o pezinho na Universidade de São Paulo, já sabe né! 😉

 

Espero que tenha esclarecido todas as suas dúvidas sobre a Fuvest. Se ainda não, é só chamar no probleminha aqui. 😉

 

Ah, e se a ideia é se preparar para a FUVEST, tenho certeza que podemos te ajudar!

 

Utilize o cupom VIMDOBLOG e vem gabaritar com a gente!

 

Até a próximaaa! 😉

Comentários